O guia de eventos mais completo e atualizado do Porto

Mimo Festival Porto 2022

Mimo Festival Porto 2022

Depois de uma pausa forçada pela pandemia, o MIMO FESTIVAL está de volta, com mais vigor do que nunca, numa espetacular edição de estreia na cidade do Porto, de 23 a 25 de setembro de 2022.

 

Nos três dias de festival – totalmente gratuito, o MIMO encerra o verão na Invicta com mais de 20 concertos, 11 DJ Sets, 8 workshops, oficinas e residências no Programa Educativo, além de diversas atividades de arte, performance e tecnologia dedicadas à Amazónia; sem dispensar a mítica Chuva de Poesia, que este ano acontece na emblemática Livraria Lello.

 

MIMO OCUPA A CIDADE

Sítios do Centro Histórico do Porto, classificado como Património Mundial pela UNESCO, como o Largo Amor de Perdição, Jardim da Cordoaria, Reitoria da Universidade do Porto, Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, Jardim das Virtudes, Palácio de Cristal e as Igrejas do Carmo, dos Carmelitas Descalços, de São José das Taipas, de Nossa Senhora da Vitória e de São Bento da Vitória, fazem parte da sonosfera multigeográfica que o MIMO promoverá.

 

De acesso gratuito o MIMO é um festival inclusivo que privilegia a facilidade de acesso e a diversidade. Tendo como premissa dar a conhecer o que de melhor se faz na música na atualidade, em Portugal e no mundo, entre nomes consagrados e novos talentos, o MIMO proporciona uma experiência única e o contacto com representantes de diferentes géneros musicais e culturas.

 

APOIOS

MIMO Porto conta com o apoio da Câmara Municipal do Porto. A Fundação Millennium bcp é Mecenas Exclusiva do Programa Educativo e dos concertos das Igrejas. O festival conta também com a Parceria da Universidade do Porto e do Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto.

 

DESTAQUES – CARTAZ

Entre os artistas que aquecerão as ruas portuenses estão os brasileiros Emicida e Chico César, a franco-nigeriana Asa (Asha), o multi-instrumentista congolês Ray Lema, o lendário realizador e DJ inglês Don Letts, os argelinos e tunisinos DuOuD, os luso-cabo-verdiano Mário Lúcio & Os Kriols,   a pianista ucraniana Valentina Lisitsa, o indiano Nishat Khan, os portuguêses BrankoPedro Burmester & Quarteto de Cordas de Matosinhos, o guitarrista vimaranense Manuel de OliveiraMaria João & Mário Laginha, “Mulheres que Fazem Barulho” (Ana Deus, Lena D’água, Anabela Duarte, Sandra Baptista, Mitó Mendes, Carolina Brandão e Marta Abreu), os brasileiros da Orquestra Voadora, o trompetista Gileno Santana, a soprano Chiara Santoro,  o brasileiro-revelação Plínio Fernandes,  a rapper e atriz KT Gorique… e ainda um espaço inédito dedicado à cultura Sound System (com vários nomes de referência)… e Casa Comum Amazónia, uma série de atividades dedicadas à Amazónia brasileira, através do olhar de artistas multidisciplinares nascidos na região, de diferentes etnias, tendo como pano de fundo a maior floresta tropical do mundo.

 

MILHÕES DE FÃS

Em atividade desde 2004, o MIMO Festival soma um total de 1,85 milhões de espetadores em 543 concertos, 54 edições, 400 eventos paralelos e 377 filmes exibidos, sempre a partilhar o acesso ao património, à cultura e à educação em cidades como Amarante, Glasgow, Olinda, Ouro Preto, Paraty, Rio de Janeiro, Tiradentes, Recife, João Pessoa e São Paulo, sítios brasileiros que preservaram a arquitetura colonial portuguesa.

 

A repercussão positiva do público também acontece online. O site mimofestival.com soma mais de meio milhão de acessos por ano. Na última edição presencial em Portugal, em 2019, o evento MIMO no Facebook reuniu aproximadamente 240.000 internautas. A transmissão dos concertos gerou 140.000 visualizações em Streaming e as notícias publicadas nos medias desencadearam mais de 14 milhões de impressões. Os números repetem-se no MIMO Festival Digital, que regista aproximadamente 60.000 visualizações no YouTube e mais de 419.000 visualizações, curtidas e alcance nas páginas das redes sociais.

 

PRÉMIOS

Confirmando o reconhecimento do MIMO, a edição portuguesa conquistou o Iberian Festival Awards (prémio que distingue os melhores festivais da Península Ibérica) na categoria “Melhor Festival em Infraestrutura” pelas edições de 2018 e 2019. O festival também foi vencedor do Brasil Design Award, ao receber a medalha de prata em 2019 na categoria “Cenografia/Design de Ambientação” e medalha de bronze em “Comunicação Visual”.

 

Mimo Festival Porto 2022

Data

23 - 25 Set 2022

Localização

Vários Locais
Porto

Newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.