O guia de eventos mais completo e atualizado do Porto

Quem quer viver para sempre

Quem quer viver para sempre?

No dia 30 de maio, às 18h30, o Coliseu Porto Ageas organiza o debate “Quem quer viver para sempre?”, em torno da imortalidade. Um conceito que, durante séculos, se colocou em exclusivo no campo da espiritualidade e da ficção científica mas que vai tornar-se realidade. A entrada é livre.

O tema da emulação total do cérebro, ou mind uploading, é cada vez mais importante no meio académico e na indústria tecnológica, mas ainda pouco conhecido e debatido em Portugal. Será dos mais importantes do século XXI, e para o qual urge convocar a sociedade a refletir e participar.

A promessa de vida eterna existia em exclusivo na religião. “Quem quer viver para sempre?” acontece, por isso, no mês em que milhares de fiéis se deslocaram a Fátima e a poucas semanas da realização das Jornadas Mundiais da Juventude em Portugal. Para além da espiritualidade, o Coliseu convoca para esta conversa a neurociência, a física, a tecnologia, a filosofia e a ética.

A emulação total do cérebro está presente na cultura pop, desde o filme “Transcendence” à saga ”Avatar”, passando por séries como “Star Trek” ou “Black Mirror”. Mas a passagem da ficção para esta realidade transumanista coloca vários desafios. A ciência que estuda o cérebro e a consciência indica cada vez mais que o upload da mente é possível. Não havendo leis da física que o impeçam, a tecnologia compete por soluções que permitam avançar com as primeiras experiências. Da mesma forma que os avanços da inteligência artificial estão a ser feitos à margem de um conjunto de leis e discussões éticas globais, também o mind uploading avança à frente de uma discussão que pode definir o futuro da Humanidade.

“O que faz de nós uma pessoa? Estamos preparados para a era do transumanismo? Se a nossa mente puder ser digitalizada, então a alma é apenas informação?”. Estas são algumas das perguntas já feitas sobre o tema pelo físico teórico norte-americano Michio Kaku, às quais juntaremos muitas mais. Conseguimos sobreviver a nós mesmos? Que diferenças existirão entre a vida tal como a conhecemos no corpo humano e uma existência infinita? Será que a maior parte da sociedade quer mesmo viver para sempre? A religião e a espiritualidade perdem o seu propósito?

 

O painel será constituído por:

𝐀𝐧𝐚 𝐒𝐨𝐟𝐢𝐚 𝐂𝐚𝐫𝐯𝐚𝐥𝐡𝐨, docente de Ética e Bioética no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) da Universidade do Porto e, até 2019, diretora do Instituto de Bioética;

𝐉𝐨𝐫𝐠𝐞 𝐓𝐞𝐢𝐱𝐞𝐢𝐫𝐚 𝐝𝐚 𝐂𝐮𝐧𝐡𝐚, teólogo, sacerdote da diocese do Porto e professor de Teologia Moral na Universidade Católica. Doutorado em Teologia Moral pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, é autor de diversos livros e artigos cujas principais temáticas são a ética, a teologia moral e o pensamento português.

𝐏𝐚𝐮𝐥𝐨 𝐁𝐨𝐫𝐠𝐞𝐬, foi presidente da União Budista Portuguesa e é professor de Filosofia da Religião, Pensamento Oriental e Filosofia e Meditação na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, e Medicina e Meditação na Faculdade de Medicina da mesma Universidade;

𝐒𝐭𝐞𝐯𝐞𝐧 𝐒. 𝐆𝐨𝐮𝐯𝐞𝐢𝐚, investigador do Instituto de Filosofia da Universidade do Porto, doutorado em Neurofilosofia da Mente pela Universidade do Minho e líder de um projeto de seis anos sobre a Ética da Inteligência Artificial em medicina;

Moderação de 𝐌𝐢𝐧𝐞̂𝐬 𝐂𝐚𝐬𝐭𝐚𝐧𝐡𝐞𝐢𝐫𝐚.


Quem quer viver para sempre?

Data

30 Mai 2023
Desde

Hora

18:30
Coliseu do Porto

Localização

Coliseu do Porto
R. de Passos Manuel 137, 4000-385 Porto
Website
https://agendaculturalporto.org/agenda-coliseu-do-porto/
Categorias
Segue a Agenda no Instagram!

Newsletter

Translate »