O guia de eventos mais completo e atualizado do Porto

A História do Soldado de Stravinsky/Ramuz

Ensemble – Sociedade de Actores com Né Barros

Ensemble – Sociedade de Actores com Né Barros

A História do Soldado
de Stravinsky/Ramuz

6/10 qua 19:30 CAMPO ALEGRE Auditório
7/10 qui 19:30 CAMPO ALEGRE Auditório
8/10 sex 21:00 CAMPO ALEGRE Auditório
9/10 sáb 21:00 CAMPO ALEGRE Auditório
10/10 dom 17:00 TMP ONLINE

CAMPO ALEGRE & ONLINE

TEATRO ⁄ DANÇA
Estreia
Preço 9€ (Campo Alegre) / 3.50€ (TMP Online)
Duração 60min
Classificação etária 6+
Condições TMP Online Visualização disponível 24h (entre as 17h00 de 10 de outubro e as 23h59 de 11 de outubro)

A peça A História do Soldado resulta da colaboração do compositor Igor Stravinsky com o escritor suíço C. F. Ramuz durante o período da Primeira Grande Guerra, em 1918. A história é contada por três atores, um grupo de bailarinos e uma banda de sete músicos. Musicalmente, A  História do Soldado  ocupa um lugar importante na produção de Stravinsky, e na história da música do século XX em geral.
Um soldado de regresso à terra em licença de quinze dias, pára para descansar e toca o seu pequeno violino. É interrompido pelo Diabo, disfarçado de velho, que o convence a dar-lhe o violino em troca de um livro mágico que prevê o futuro. O Diabo convida o soldado a ir para casa com ele por três dias para o ensinar a tocar. Quando o soldado finalmente chega à sua aldeia, encontra a namorada casada com outro e toda a gente que o vê, até mesmo a sua mãe, pensa que ele é um fantasma. Percebe que tinha sido enganado – “não foram três dias, foram três anos” – e fica desesperado. Nem mesmo a vasta fortuna que acumulara o consegue animar. Quando o Diabo, desta vez disfarçado de velha, lhe oferece o violino de volta, ele não consegue extrair qualquer som do instrumento. Desgostoso, deita-o fora, rasga o livro e resolve partir. Até que chega a outro país, onde vive um Rei, que tem uma filha presa numa estranha melancolia. O Rei decretara que qualquer homem que a conseguisse curar poderia tomar a sua mão em casamento. O soldado decide tentar a sua sorte, e dirige-se audaciosamente para o palácio. Aí encontra um concorrente: o Diabo, disfarçado de violinista virtuoso. Mas consegue vencê-lo num jogo de carta e perdendo, propositadamente, toda a sua fortuna ganha de forma desonesta. Então descobre que consegue tocar novamente o violino e, melhor ainda, o som da sua música reanima a Princesa. O Diabo, finalmente na sua figura, tenta intervir, mas é forçado a dançar ao som do violino até cair exausto. O Soldado e a Princesa estão alegremente unidos, mas o Diabo jura vingança.

Fundado em 1996 pelos atores Emília Silvestre e Jorge Pinto, o Ensemble — Sociedade de Atores é um projeto artístico de criação, experimentação e formação. Tem apresentado espetáculos de autores tão diversos como Molière, Shakespeare, Tchekhov ou Ibsen, Brian Friel, Samuel Beckett, Arnold Wesker, Tom Kempinski ou Jean Cocteau e ainda textos originais e levado à cena dramaturgos portugueses como Luísa Costa Gomes, Jacinto Lucas Pires, Mickael de Oliveira e Ricardo Alves, que envolveram dezenas de atores, bailarinos e músicos, encenadores e coreógrafos, designers de luz, som e vídeo, cenógrafos e figurinistas de todo o país.

Data

06 - 10 Out 2021
Expired!

Hora

19:30

Localização

Teatro Campo Alegre
Rua das Estrelas, 4150-762 Porto
Website
https://www.teatromunicipaldoporto.pt/pt/quem-somos/tm-campo-alegre/
Anuncia-na-Agenda
Anuncia-na-Agenda

Newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *